jusbrasil.com.br
23 de Outubro de 2017

Supremo de verdade ou puxadinho das forças corruptas?

Luiz Flávio Gomes, Professor de Direito do Ensino Superior
Publicado por Luiz Flávio Gomes
há 12 dias

O senador Aécio Neves (cacique e presidente afastado do degenerado PSDB) foi gravado (março/17) pedindo R$ 2 milhões para Joesley (JBS), que confirmou tratar-se de propina.

Sua irmã negociou a entrega do dinheiro, seu primo o recebeu e uma terceira pessoa o escondeu. Os três foram presos, localizando-se quatro malas contendo R$ 500 mil cada uma.

O roubo do senador, como se vê, foi exitoso (corrupção bem tramada, entrega do produto do crime em quatro malas, todas filmadas). Pela lógica de Esparta, o roubo exitoso não pode ser censurado (ou condenado).

Hoje, no STF, o que está em jogo é o seguinte: ele é um órgão independente da Justiça e do império da lei para todos ou é um puxadinho das forças corruptas e parasitárias que comandam a cleptocracia brasileira (cleptos = ladrão; cracia = governo, poder)?

Ele pode ou não pode afastar parlamentares que se tornam delinquentes? Ele pode ou não aplicar medidas cautelares contra esses “heróis” que se convertem em “quadrilheiros da República”?

O recolhimento noturno do senador é discutível. Mas seu afastamento decretado pelo STF (Primeira Turma) é absolutamente imperioso.

A vitória, afinal, será da República ética (mais sonhada que concretizada) ou da bandidagem parasitária que se vale dos cargos públicos para delinquirem impunemente, com o acobertamento da Corte Suprema?

Lógica de Esparta

Na cleptocracia brasileira as forças corruptas e parasitárias (tanto as visíveis quanto as invisíveis) são regidas pela lógica de Esparta, onde os adolescentes eram treinados para surrupiar a coisa alheia. Num monte afastado da cidade, eles eram treinados e propositadamente privados de alimentação. Quando estavam prestes a explodir tudo, eram mandados para a cidade, para roubar a população. O roubo exitoso nunca era punido; punição dura havia somente quando o roubo resultava frustrado (por incompetência, inabilidade ou pouca astúcia).

Depois daquela gravação feita por Joesley, Aécio foi afastado das suas funções pelo ministro Fachin. O ministro Marco Aurélio, seguindo a lógica de Esparta, revogou o afastamento, sublinhando que um poder não pode interferir no outro. O roubo do senador do PSDB, afinal, tinha sido exitoso.

Marco Aurélio ainda acrescentou que se trata de um político com “fortes elos com o Brasil, que tem carreira política elogiável”. Um político de longa carreira, elogiável!

Nas cleptocracias (instituições dominadas por ladrões), os larápios poderosos e exitosos são tratados de maneira desigual e privilegiada. Mesmo corruptos, são sempre elogiados e acobertados. Delcídio não foi exitoso, foi preso e perdeu o cargo. Cunha não foi exitoso, perdeu o cargo e foi preso.

Aécio sempre “discursou” contra a corrupção (cinicamente, claro) e recebeu mais de 51 milhões de votos em 2014. É uma grande liderança do venerado PSDB e continua tendo êxito em suas empreitadas criminosas.

Pela lógica de Esparta, é um mineirinho de “grande valor”. Daí o apoio que está recebendo de vários senadores e do próprio PSDB. Resta saber se o Pleno do STF vai embarcar nessa nave espartana.

LUIZ FLÁVIO GOMES, jurista. Criador do movimento Quero Um Brasil Ético. Estou no f/luizflaviogomesoficial

#QueroUmBrasilÉtico #professorlfg #ForaCorruptos #ForaAécio

Fonte: http://luizflaviogomes.com/supremo-de-verdade-ou-puxadinho-das-forças-corruptas/

Foto: Evaristo Sa/AFP/AFP

58 Comentários

Faça um comentário construtivo para esse documento.

Não use muitas letras maiúsculas, isso denota "GRITAR" ;)

Acredito que não é um puxadinho e sim um pavimento inteiro a favor da bandidagem.Intervenção Militar urgente para moralizar de vez este grande pais. continuar lendo

Concordo plenamente contigo Jose Neto, o país esta "legalmente" nas mãos de criminosos, favorecendo a estes, precisamos mesmo de uma intervenção para colocar ordem na casa, a bagunça se estendeu tanto que somente com uma "surra" será possível tentar reverter esse cenário de caos e desordem que se instaurou em nosso país. continuar lendo

CONCORDO. Desde que moralize, ressarci os furtos dos políticos ao Brasil, e retorne à democracia. continuar lendo

A corrupção passa a ter suprema proteção continuar lendo

Fica a questão: intervenção militar ou revolução?
Não adianta intervenção militar para que outro grupo de larápios, encostados em força militar, assuma o poder. Foi o que ocorreu em 1964.
Para a população que financia e mantém o Estado ficará na mesma, com ou sem militar!
As mudanças ocorrerão somente se uma parcela substancial da população consciente tomar posição e exigir as mudanças que o país precisa ter, pressionar e reformar politicamente o Estado. Ou então, o que é pior, aguardar que grupos radicais imponham pela força as mudanças, o que poderá redundar em revolução armada e danosa para todos.
O melhor caminho ainda é mesmo o da imediata participação política maciça dos brasileiros. Neste caso não há transformações sociais radicais sem esforço, sem que grande parcela do povo saia da zona de conforto individual.
Porém, se uma grande e permanente mobilização por mudanças encontrar fortes e intransponíveis resistências por parte dos bandidos que dominam o poder atualmente, somente restará a força como remédio. Temo que estejamos caminhando para essa solução traumática em busca de uma transformação social que reduza o sofrimento do povo e reconstrua as instituições governamentais brasileiras, atualmente inoperantes, apodrecidas e contaminadas pela fraude, pelo suborno e pelo crime! continuar lendo

Estamos vivendo a "republica do conchavo" onde a palavra de ordem é a "conveniência".
Que constituição possuímos que nos preserve de bandidos, quando a senha para modifica-la ou desrespeita-la se encontra "legalmente" nas mãos desses bandidos?
Sabemos que uma parte altamente significativa dos cargos eletivos está ocupada por corruptos e comprometidos com ilícitos, desde o mais simples vereador do mais pobre município até as mais altas autoridades do país e só falta comemorarmos com festa quando aceitamos as mentiras que dizem que o Brasil voltou a crescer.
A única coisa que cresce mesmo, são nossas orelhas. Acho que de alguma forma e em algum tempo, mudamos nosso regime político para o masoquista. continuar lendo

As instituições estao funcionando para alta bandidagem do crime organizado.Quando foi criado o jurássico STF guardião da constituição onde julgaram apenas 16 envolvidos e apenas 06 foram presos pela côrte.Será que acreditamos ainda nesta pocilga do STF que envergonharia até magistrados de outras nações menos desenvolvidas.Basta verificar o bandido togado gilmar mendes soltando seus pares...Intervenção Militar seria uma ordem do dia. pois garanto que as facções do crime organizado não estava ditando as regras.Magistrados corruptos apoiando caciques da cosa nostra do Brasil. continuar lendo

A constituição não existe mais, é uma falácia pseudodemocrática, o povo precisa se preparar para o pior ou exigir uma intervenção militar já !!! continuar lendo